31 de Dezembro de 2013

15 de Novembro de 2013

+ Impressões de alta qualidade

Para mais informações — helenazalia@gmail.com

Edições limitadas — A3 [15 edições]; A4 [20 edições]; A5 [30 edições] Assinadas e numeradas manualmente.
Digigrafia — sistema de impressão de alta qualidade em jacto de tinta, com tintas de pigmento de carbono.

Impresso em papel - Matt FineArt — smooth [ 308gsm, 100% cotton, white, acid free] Photo Rag® Hahnemühle (http://www.hahnemuehle.com/prod/en/212/342/photo-rag-188-308-500-gsm.html )

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

For more informations — helenazalia@gmail.com

Limited editions — A3 [15 editions]; A4 [20 editions]; A5 [30 editions] Signed and numbered.
Digigraphy - high quality print inkjet with carbon's pigment inks. 

Printed on paper - Matt FineArt — smooth [ 308gsm, 100% cotton, white, acid free] Photo Rag® Hahnemühle (http://www.hahnemuehle.com/prod/en/212/342/photo-rag-188-308-500-gsm.html )
Edições limitadas — A3 [15 edições]



Edições limitadas — A4 [20 edições]


Edições limitadas — A4 [20 edições]


Edições limitadas — A4 [20 edições]

 
Edições limitadas — A4 [20 edições]


Edições limitadas — A4 [20 edições]


Edições limitadas — A4 [20 edições]

 
Edições limitadas — A4 [20 edições] 


Edições limitadas — A5 [30 edições]

11 de Outubro de 2013

25 de Setembro de 2013

Ampliar para criar

Durante toda a vida, o meu "atelier" foi a cozinha, a sala, o quarto, o quintal, ou qualquer outro local que me apetecesse ocupar. Porém o meu verdadeiro atelier, até há pouco tempo era pequeno, bem pequeno ... era assim.
Passei vários dias do verão a ampliá-lo para uma garagem que lhe era anexa. Agora resta-me dar-lhe muito uso.



Música — Ai margarida de Camané, com Mário Laginha

Cinema — Independência de espírito de Marta Monteiro

Livro — Desumanização de Valter Hugo Mãe

27 de Julho de 2013

hz'3_13


Última criação.

31 de Maio de 2013

Viagem

no Museu do Canteiro - Alcains [Castelo Branco]

16 de Maio de 2013

Máquina de Sonhos

O lançamento do livro "Máquina de Sonhos", com poemas dos alunos do Clube de Poesia da Escola João Afonso de Aveiro, aconteceu ontem no Museu de Aveiro.
Estas são as ilustrações que criei para viverem ao lado das maravilhosas palavras dos autores.




6 de Fevereiro de 2013

Para caminhar ... e não para parar

Livros-objeto, livros de autor, livros de artista, pré-livros, livros "esquisitos", coisas que estão no âmbito da narrativa mas que nem sempre são livros .... e afins, são uma paixão. A partir de duas ilustrações e respetivo texto, que enviei para um dos Encontros de Ilustração de S. João da Madeira, fiz este "artefacto"--->ver vídeo caseiro :D. 

Música de fundo — Rodrigo Leão


29 de Janeiro de 2013

Últimos dias

na livraria Gigões & Anantes - Aveiro.
Até 31 de janeiro [das 10h às 20h]






22 de Janeiro de 2013

Na Gigões & Anantes...

... até 31 de janeiro.
A nossa [helena zália, márcio décio, vânia kosta] exposição "Sonhos às pintas vermelhas".
Na rua combatentes da grande guerra, 11 — aveiro [junto à câmara municipal].



FOTOS - Mário Marnoto

3 de Janeiro de 2013

BOM ANO 2013 :D

As "pintas vermelhas" voltaram!! Na livraria Gigões e Anantes — Aveiro, inaugura no próximo dia 12, sábado, às 16h.

24 de Dezembro de 2012

5 de Dezembro de 2012

calendário 2013 — disponível ...

... aqui.
Para mais informações contacte-me via mail.

4 de Dezembro de 2012

Uma história à janela

 Pelo segundo ano consecutivo a Vânia Kosta convidou-me a participar na sua janelaAdEntro [calendário do advento], na janela do seu magnífico atelier em Braga. Este ano sobre o tema Uma história à janela.
Esta foi a peça que criei especialmente para o projecto. E a história dela é assim:

A arte da costura remete para as minhas primeiras memórias de infância. Diariamente via a minha mãe usar artefactos que me despertavam uma enorme curiosidade. Os tecidos1, linhas, agulhas, tesouras e dedais ocupavam constantemente as suas mãos … os seus pés sempre em movimento, num ritmo ora mais lento, ora mais acelerado, no pedal da máquina de costura de um verde azeitona2 … e eu via crescer uma saia, um casaco, uma blusa, um pijama, …, por vezes um vestido para as bonecas :D. 
Outras vezes usava umas rodas finas de madeira, que se encaixavam duas a duas para prender o tecido,  e umas linhas muito coloridas, em meadas ou em carrinhos de linhas matizadas3, e surgiam dali formas bordadas que me deixavam com os olhos esbugalhados e o coração a abarrotar de felicidade. As revistas de moldes e “feitios” andavam sempre cá por casa, e de certeza que foi este o primeiro contacto que tive com desenhos e ilustrações. E nasceram daqui várias paixões que se expandiram em várias direcções.

Esta peça criada agora por mim, tenta representar tudo isto, sobretudo o carinho entre uma mãe e uma filha e a transmissão geracional de conhecimentos, e em simultâneo transcender estes momentos de criança.
A forma circular4 como a nossa envolvência e a busca de algo mais perfeito, os retalhos que dão forma ao nosso ser, as linhas que nos ligam aos outros e ao mundo, os nossos corpos5 vestidos e despidos, as roupas que expõem, e quase sempre escondem o nosso eu mais íntimo6. E no fim … um carrinho de linhas pendurado que ultrapassa estes limites formais e que se vai desenrolando dia após dia.

1 – Tecidos de fabrico português, muitos deles produzidos nas fábricas têxtéis do Vale do Ave.
2 – Máquina de costura OLIVA (produzida em S. João da Madeira).
3 – Geralmente, linhas Âncora da Coats & Clark, Cia, de fabrico português.
4 – Bastidor (marca OLIVA)
5 – Boneca de fabrico português
6 – O artigo Debaixo da roupa, estamos todos nús  de José Luís Peixoto também me inspirou nesta criação.

[Nota: tive uma preocupação em usar nesta criação objectos de fabrico português, alguns dos quais fazem parte da minha infância e já ultrapassam os 40 anos de existência]


3 de Dezembro de 2012